0800 721 8181

Síntese de Indicadores Sociais 2022 - Uma análise das condições de vida da população brasileira

Seja o primeiro a avaliar este produto

R$0,00

Disponível: Sem estoque

Short Description

Esta publicação reúne informações sobre as condições de vida da população brasileira, acompanhadas de comentários que destacam, para cada dimensão de análise, algumas das principais características...

Informe seu CEP para calcular o valor da entrega.

Descrição

Detalhes

Esta publicação reúne informações sobre as condições de vida da população brasileira, acompanhadas de comentários que destacam, para cada dimensão de análise, algumas das principais características observadas nos diferentes estratos populacionais. Seus indicadores ilustram a heterogeneidade da sociedade sob a perspectiva das desigualdades sociais e estão organizados em três capítulos nos quais se buscou salientar, complementarmente, os impactos da pandemia de COVID-19 sobre essas estatísticas. O capítulo Estrutura econômica e mercado de trabalho contempla o comportamento da economia no período mais recente e ressalta as principais desigualdades estruturais identifi cadas. Para tal, evidencia o perfi l das pessoas que, majoritariamente, se mantêm na informalidade, na subocupação, na desocupação, ou são excluídas da força de trabalho, sobretudo aquelas consideradas mais vulneráveis, como as de cor ou raça preta ou parda, bem como mulheres e jovens, em especial os que não estudam e não estão ocupados, face à necessidade do desenvolvimento de políticas públicas orientadas a esse grupo. O capítulo Padrão de vida e distribuição de rendimentos examina a dinâmica dos rendimentos no Brasil, no período de 2012 a 2021, fornecendo subsídios para o estudo de dimensões centrais na determinação das condições de vida: as desigualdades de rendimentos e a pobreza monetária. Esse capítulo se alinha ao anterior, por vincular a dinâmica do rendimento domiciliar ao comportamento do mercado de trabalho, incorporando às análises diferentes perfi s populacionais e dimensões historicamente reconhecidas de desigualdades na distribuição de rendimentos. São avaliados, também, os impactos da redução do Auxílio Emergencial, criado durante a pandemia, sobre tais indicadores. O capítulo Condições de saúde, por fi m, aborda a evolução da mortalidade no Brasil e suas principais causas, segundo grupos populacionais específi cos, com recortes por idade, sexo e cor ou raça. Apresenta, também, um panorama das estatísticas de mortalidade e das condições de infraestrutura física e de disponibilidade de recursos humanos na área de saúde, concluindo com uma análise específi ca sobre alguns indicadores relacionados à pandemia e à oferta de estrutura para políticas públicas municipais. A publicação também está acessível no portal do IBGE na Internet, que oferece ainda o plano tabular completo dos temas pesquisados. O principal referencial dessas análises é a Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílios Contínua - PNAD Contínua, realizada pelo IBGE. Outras estatísticas do Instituto, além de registros de variadas fontes externas, contribuem para delinear um painel multifacetado da realidade social brasileira, cuja comparação com outros países é pautada em indicadores internacionais

Informação Adicional

Informação Adicional

Código 000272
Código de Barras Não
ISSN / ISBN ISBN 978-85-240-4552-3
Abrangência Brasil
Mídia Livro
Número de Páginas 153
Peso (Kg) 0.2100
Link para download https://biblioteca.ibge.gov.br/visualizacao/livros/liv101979.pdf

Comentários

Queremos saber sua opinião

Apenas usuários registrados podem comentar. Por favor, identifique-se ou cadastre-se

Tags do Produto

Use espaços para separar as tags. E aspas simples (') para frases.